Andradina

SINDICATO RURAL PROPÕE PAGAR PARA PUBLICAR “A VERDADE”

Antônio José do Carmo
A “reportagem” publicada pela diretoria do Sindicato Rural de Andradina em alguns sites jornalísticos da cidade, para “desmentir” meus comentários feitos na rede Noroeste Rural Multimídia sobre a situação de abandono e desleixo com o parque de exposições ( antiga Expoan |), teve dinheiro oferecido aos jornalistas para que fosse publicada.
A secretária do Sindicato ligou no meu celular. Então disse a secretária que a diretoria do Sindicato gostaria de saber quanto custava para que eles publicassem um texto na minha rede. Então eu disse que se o texto fosse sobre alguma contestação ao que eu escrevi sobre o desleixo do Sindicato com a antiga área da Expoan, que não teriam que pagar nada. Seria inclusive um prazer, saber sobre a versão da diretoria do Sindicato. Mas, não retornaram o contato.
Eles procuraram também o jornalista Moisés Eustáquio de Oliveira onde pediram orçamento para publicação do texto. Mas depois de apresentar o valor, o Sindicato não retornou o contato.
Mas, outros jornais publicaram. Podem até terem publicado de graça, mas se os fatos relatados pelo Sindicato, que nos acusa de perseguição e mentiroso são tão flagrantes assim, por que precisariam pagar para sair a “verdade” deles?
Sobre perseguição?? Eu sim sou perseguido pela diretoria do Sindicato. Chamar a notícia que prestei para a comunidade andradinense, com fotos, de “mentiras” é no mínimo insano. Teve um diretor do Sindicato que certa vez, revoltado com minhas críticas, ameaçou falar da tribuna da câmara, o apelido que eu tinha e que era utilizado como buling quando estudou comigo há 50 anos.
Dizer que o balancete do Sindicato interessa aos associados é outro absurdo porque a entidade recebe sim recursos de origem pública… Cada um que tire suas conclusões.